Blog Fuxico do Sertão - Notícias de Pastos Bons e Região

NOVA IORQUE MA ENTREVISTA COM PRE CANDIDATO A PREFEITO

ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O PRÉ-CANDIDATO À PREFEITO DE NOVA IORQUE PELO PROS(90) PAULO MARABÁ

” O maior motivo da revolta do povo com  Airton é sua ausência na cidade”

” Nova Iorque tem muitos funcionários fantasmas e gente  morando em São Luís que recebe salário da prefeitura sem trabalhar”

” Em uma licitação absurda um dono de Lava-jato ganhou R$75.000 com uma empresa fantasma de coleta de lixo sendo que seu único carro é um Delrey”

“João Luís é ficha-suja e tenho dois advogados preparados, se ele se ele entrateu derrubo sua candidatura”

Paulo Geovane Lopes Freire,35, empresário do ramo de autopeças e imobiliária,filho de Nova Ioque, casado com Narla Cristina e pais de dois meninos, Nycolas(6 anos) e João Neto(2 anos). Paulo já vem trabalhando seu nome desde a eleição passada e diante de um atual prefeito mal avaliado  e do nome do ex-gestor João Luís apesar de liderar as pesquisas estar impedido de disputar uma vaga vê seu nome como a melhor alternativa para disputar e administrara cidade pois se diz um administador nato e concedeu uma entrevista exclusiva ao AGORA SJP.

-AGORA SJP: Por que motivo você quer ser prefeito de Nova Iorque?

-Paulo Marabá: Quero provar para o povo e para os gestores anteriores que é possível fazer algo por uma cidade pequena como Nova Iorque de forma séria e honesta, nossa cidade tem mais de um século e continua sendo uma das mais atrasadas do Maranhão.

-AGORA SJP: Como você vê a gestão do atual prefeito Airton Mota?

-Paulo Marabá: É preciso admitir que ele tem se esforçado para conseguir muitas obras para a cidade, porém não consegue terminar deixando-as inacabadas e quando consegue são de péssima qualidade. Na saúde tem sido um desastre, cito por exemplo a ambulância que por várias vezes não funcionou por falta de combustível, sendo substituídas por caminhonetes “D-20” onde já até se realizou partos, esse tipo de coisa é inaceitável. No esporte nem se fala, o secretário não sabe o que é uma bola. Na educação a situação é complicada também, os professores vivem em greve e não há diálogo com a classe. No turismo então nem se fala, sendo que não são feitas as tradicionais festas da cidade.

-AGORA SJP: Na sua opinião, quais são os principais problemas da cidade ?

-Paulo Marabá: São vários, cito entre eles a questão da água que é crítico. Não faz sentido a cidade estar à 800 metros do rio e a água ir um dia e dois ou três não e inúmeros poços sem bomba. O esgoto corre à céu aberto, dou como exemplo minha casa em que tive que fazer fossa séptica e isolar pois foi alagada pelo esgoto. Na segurança pública, Nova Iorque está tomada por drogas, assaltos e arrombamentos. Falta de empregos também, a quantidade de gente sem fazer nada é grande, mas muita gente quer trabalhar e o que vemos é uma folha de pagamento da cidade inchada com funcionários fantasmas, ou seja enquanto muitos querem trabalhar e não tem oportunidade muitos ganham sem trabalhar. É errado isso.

-AGORA SJP: Quais suas principais propostas para a cidade ?

-Paulo Marabá: Reestruturar a cidade começando pela saúde que está uma calamidade depois pela educação dando gratificação aos professores entre outras coisas, acredito que sem uma saúde e educação de boa qualidade lugar nenhum prospera. No turismo pretendo capacitar os barraqueiros pois a maioria não tem nenhum aperfeiçoamento para atender melhor os turistas, manter as festas tradicionais como o Carnaval da Ressaca, Festival do Caju, Festejo entre outras para alavancar nosso turismo trazendo renda para a cidade. Quanto ao abastecimento d’água nossa cidade tem vários poços artesianos que sofrem com falta de bomba, a minha ideia e manter sempre uma bomba reserva para que nunca falte água, pois enquanto a reserva funciona será consertada a outra, temos casos de povoados ficarem mais de 15 dias por conta desse problema.

-AGORA SJP: Paulo, Nova Iorque tem uma zona rural grande que por muitos anos ficou esquecida por gestores anteriores, quais suas propostas para a zona rural ?

-Paulo Marabá: Acredito que a principal prioridade para a zona rural será a ponte do pontão, pois ela liga a sede aos povoados Unha de Gato, Alto dosTinguis, Chapada dos Marcos, Lagoa Grande e à outras cidades. Essa ponte já era para ter sido feita por 2 vezes porém nunca foi realmente feita. Sei que o recurso para que se faça essa ponte é alto e a prefeitura não dispõe mas vou lutar muito para fazer e caso não consiga vou por lá uma balsa para que seja feita a travessia dos veículos. Também pretendo melhorar o abastecimento de água e melhorar as escolas da zona rural, melhorar o acesso por estradas vicinais e o transporte escolar pois muitas hoje são feitas em caminhonetes D-20.

-AGORA SJP: Paulo, Nova Iorque é uma cidade pobre e com poucos recursos próprios para realizar grandes obras que quando são necessárias tem que se conseguir com o governo ou emendas de deputados. Qual a grande obra que você pretende fazer em sua gestão para que deixe seu nome cravado na história da cidade, algo que faça as pessoas sempre lembrarem de sua gestão?

-Paulo Marabá: Sem dúvida alguma é a ponte do povoado Pontão pois sem dúvida é essencial para interligar a sede do município aos maiores povoados.

-AGORA SJP: Na sua opinião qual o maior motivo para que o atual prefeito Airton Mota que foi eleito com tanta esperança de mudar a cidade se encontre hoje com tanta  rejeição ?

-Paulo Marabá: A ausência,  pois nem mesmo mora na cidade. Outra coisa é a quantidade de funcionários que ganham sem trabalhar. Conheço várias pessoas na cidade que recebem entre R$1.500-2.000 sem trabalhar, posso até citar nomes e posso provar, não vou falar aqui para não polemizar, mas posso garantir que existem donos de bar, estudantes, comerciantes, há pessoas morando em São Luís recebendo salários da prefeitura, há casos em que o cara tem um lava-jato e venceu licitação de coleta de lixo de R$75.000 através de empresa fantasma sendo que o cara tem um Del-Rey, é um absurdo tudo isso.

-AGORA SJP: Essas acusações são graves, então diante disso você garante que na sua gestão não haverá funcionários fantasmas ?

-Paulo Marabá:  Na minha gestão só ganha quem trabalha, com cartão de ponto, expediente das 08:00-14:00 como manda a lei.

-AGORA SJP: Qual sua posição em relação ao atual governo, faz oposição ao atual governo ?

-Paulo Marabá: Sou neutro, somos amigos independente de política, converso normal.

-AGORA SJP: Caso João Luís quisesse lhe apoiar você aceitaria ?

-Paulo Marabá: Já o procurei duas vezes mas ele insiste em falar que é candidato mesmo sabendo que é inelegível, mas sei que é estratégia pois depende da decisão do seu grupo de 4 vereadores, pois não quer separar o grupo.

-AGORA SJP: E se o atual prefeito Airton Mota desistisse de um segundo mandato e  o procurasse para lhe apoiar?

-Paulo Marabá: Sim mas com uma condição, que eles estivessem desistindo da política de Nova Iorque deixando para um filho da cidade e não que eu fosse o candidato deles.

-AGORA SJP: Você sabe que João Luís já elegeu alguns prefeitos como Manoel Machado e Rafael Leão e que ele sempre os tratou como marionete, achando que tem que fazer o que ele quer sendo que foi ele que o elegeu. Você teria essa postura de submissão?

-Paulo Marabá: Jamais e acho que esse é um dos motivos que ele teme em me apoiar pois eu nunca deixaria alguém me controlar, tenho ideia própria, não gosto de receber ordens e nem de dar ordens, gosto de resolver em grupo, pois se errar não erro só.

-AGORA SJP: Qual sua opinião em relação ao empresario Nivaldo Brasil?

-Paulo Marabá: Nivaldo é meu amigo, porém parece um pouco indeciso, às vezes fala bem de mim, às vezes me critica, não sabe de que lado fica, vejo ainda muito precipitado e despreparado pois administrar é um dom.

-AGORA SJP: Você tem algum nome de sua preferência para que seja o vereador mais votado e presida a Câmara ?

-Paulo Marabá: Vejo no nome de  Marcelo Ferreira que já foi secretário de turismo uma pessoa inteligente e preparada para tal.

-AGORA SJP: Paulo, em  Nova Iorque se criou uma cultura de ver na figura do prefeito alguém que tem por obrigação de dar dinheiro para as pessoas, qual a reação de Paulo Marabá prefeito quando alguém lhe pedir dinheiro?

-Paulo Marabá: Prefiro dar serviço, o colocar para fazer algo em que a pessoa se sinta mais útil, limpar a rua, pintar meio-fio para que se sinta merecedor daquele dinheiro que está recebendo.

-AGORA SJP: Como está sua posição nas pesquisas eleitorais ?

-Paulo Marabá: Empate com Airton Mota e vitória sobre Johnson Leite e Gustavo, perco apenas para João Luís por uma diferença não tão grande, quando é alguém apoiado por ele tenho 25% contra 45%, mas sem ele no páreo é outra coisa.

-AGORA SJP: Você tem certeza que João Luís não será candidato ?

-Paulo Marabá: Absoluta, pois ele é ficha-suja pelo TCU, está financeiramente liquidado e a liminar dele custa em média R$400.000 e se ele entrar eu derrubo pois já tenho 2 advogados preparados para isso.

-AGORA SJP: Você já tem garantido o apoio de algum vereador ou liderança política ?

-Paulo Marabá: Já tenho o apoio de dois ex-vereadores Reinildo Varão e Graça Freire,Marcelo Ferreira além de outras lideranças.

-AGORA SJP: Qual sua mensagem final para o povo de Nova Iorque?

-Paulo Marabá: Que Paulo Marabá irá lutar até o fim para ver sua terra se desenvolver e a populacão ter uma melhor qualidade de vida e que eu não tenho intenção de enriquecer pois minha condição financeira é tranquila e não preciso de prefeitura para ganhar dinheiro.

Categoria: Fuxicos