Blog Fuxico do Sertão - Notícias de Pastos Bons e Região

No Dia Nacional do Turismo, o Maranhão não tem o que comemorar, lamenta Luís Vannucci

Luís Vannucci lamentou que descaso tenha relegado o Maranhão às últimas posições do ranking do turismo

Em alusão ao Dia Nacional do Turismo, comemorado na última terça-feira (8), o ex-assessor do Ministério do Turismo e pré-candidato a deputado federal, Luís Vannucci (PSL), lamentou, por meio de suas redes sociais, a falta de investimentos do poder público neste setor, que segundo ele, é a arte de vender felicidade e gerar renda.

Ao discorrer sobre o assunto, Vannucci destacou que o Maranhão não tem o que comemorar devido a falta de comprometimento dos órgãos competentes para o Turismo.

“O Dia Nacional do Turismo deveria ser uma data para promover e homenagear a prática do turismo, mas infelizmente não temos muito o que comemorar em nosso estado. A falta de um olhar mais comprometido para esta área tem deixado o nosso querido Maranhão nos últimos lugares, em termo de desenvolvimento de uma indústria tão próspera e reconhecida como maior geradora de renda e desenvolvimento para as cidades que no turismo apostam.
Em ano de eleição, tão definitivo para os rumos nacionais, quem sabe possamos repensar as forças que movem a economia e elevar o turismo ao patamar em que ele deve estar: entre as principais geradoras de emprego do Brasil.
O Dia Nacional do Turismo deveria ser um dia para refletir sobre quanto ainda se deve trabalhar seriamente pelo setor, identificando sua real dimensão e sua capacidade de geração de emprego para diferentes tipos de pessoas e qualificações, além da imediata redistribuição de renda que acontece com a chegada de mais visitantes e a capacidade efetiva de preservar os recursos naturais e culturais dos locais.
Enquanto um defensor do Turismo e dos potenciais turísticos do nosso Maranhão, continuarei lutando na busca por soluções para o desenvolvimento e a valorização deste setor no nosso Estado”, afirmou Luís Vannucci.

NOVA IORQUE: EMPRESA VAI FUTURAR MAIS DE 200 MIL EM CONTRATO

Mais uma empresa vai faturar alto em Nova Iorque veja.

EXTRATO DE CONTRATO Nº 23/2018/SEMAD – PROC. ADMINISTRATIVO Nº 241/2018.

EXTRATO DE CONTRATO Nº 23/2018/SEMAD – PROC. ADMINISTRATIVO Nº 241/2018 – Pregão Presencial nº 08/2018 – A.R.P. nº 03/2018. PARTES: Prefeitura Municipal de Nova Iorque por intermediou de sua Secretaria Municipal de Administração – SEMAD e a empresa M. L. CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ 11.453.310/0001-88. OBJETO: Coleta e Transporte de Resíduos Sólidos não perigosos. RECURSO:Orçamento Geral do Município. VALOR TOTAL: R$ 240.285,00 (duzentos e quarenta mil duzentos e oitenta e cinco reais). PRAZO DE VIGÊNCIA: 09 (nove) meses. AMPARO LEGAL: Lei Federal nº 8.666/93; DATA DE ASSINATURA: 12/04/2018; FORO: Comarca de Pastos Bons – MA. ASSINATURAS: Lindon Johnson Alves de Brito – Secretaria Municipal de Administração como Contratante e Salvador da Silva Coelho como sócio administrador da Contratada. Nova Iorque, 07 de Maio de 2018. Publique-se.

Maranhense selecionado em programa de Luciano Huck é pré-candidato a deputado estadual

O jovem maranhense Felipe Gonçalves foi um dos selecionados para o programa Renova Br. O Renova BR foi criado em outubro de 2017 para preparar gente comprometida e realizadora para entrar na política.

Não é um partido político, é um programa para formar lideres em todo país. É um processo seletivo robusto para encontrar as pessoas com perfis e causas diversas, mas o mesmo compromisso com um Brasil melhor e potencial para ser a linha de frente da renovação política que precisamos.

Os selecionados passam por uma formação e recebem bolsas de estudos. O programa envolve alguns dos maiores especialistas do Brasil ensinando temas como conhecimentos de campanha, comunicação, autoconhecimento, economia, ciência política e desafios do país.

O programa é financiado por empresários, dentre eles o apresentador Luciano Huck, que acredita que o Renova será uma nova saída para a política brasileira na buscar jovens capacitados, que não tenha apadrinhamentos políticos e que sejam frutos de lutas sociais.

Felipe Gonçalves já esteve a frente da juventude do Solidariedade, coordena a juventude do nordeste do partido, é militante da política maranhense e também já foi secretario de saúde do município de Gonçalves Dias, onde fez um trabalho inovador na pasta. Felipe Gonçalves é pré candidato a deputado estadual pelo Solidariedade.

2ª Turma do TJ afunila processo que pode levar a cassação do prefeito de Porto Franco

Dois desembargadores integrarão o colegiado de magistrados para decisão final que dará autonomia para câmara de vereadores iniciar processo de cassação

Nesta terça-feira (08), a situação do prefeito de Porto Franco, Nelson Horácio, acabou se complicando ainda mais. Por 2×1, os desembargadores da Segunda Câmara Civil do Tribunal de Justiça do Maranhão, mantiveram decisão do Juiz de Porto Franco, Antônio Donizete Aranha Baleeiro, que determinou instalação de sessão na Câmara Municipal da Cidade, que apreciará o procedimento de abertura ou não de processo de Cassação do gestor.

Em junho do ano passado, o juiz Antônio Baleeiro concedeu liminar determinando o afastamento dos vereadores Gedeon Gonçalves dos Santos, Francisco Elias de Sá Sousa e Semeão Sobral Vilela, das funções parlamentares. Acontece que o vereador Gideon Gonçalves (o Amigão) é o atual Presidente da Câmara.

A decisão do magistrado ocorreu após arquivamento de denúncia que pedia a cassação do mandato do prefeito Nelson Horácio. Na decisão, o juiz determinou aos três vereadores que fazem parte da Mesa Diretora, desarquivasse a denúncia oferecida por Kennedy Milhomem Barros, onde alega junto à Câmara Municipal ato de infração político-¬administrativa contra o prefeito Nelson Horácio e os três vereadores.

Segundo a determinação, os vereadores teriam que se afastar, até mesmo para a lisura do processo. A decisão faria com que fossem convocados os suplentes dos vereadores denunciados.

Só que a Mesa Diretora descumpriu a decisão judicial e após dez dias do descumprimento da mesma, conseguiram uma suspensão de liminar até a decisão do mérito, concedida pelo então presidente do Tribunal, o desembargador Cleones Carvalho Cunha.

Só que em agosto de 2017, o juiz Antônio Baleeiro julgou o Mandado de Segurança e manteve a decisão que passou a ser definitiva no seu mérito. Diante disso, a Mesa Diretora mais uma vez recorreu protocolando um Embargo de Declaração, que é um recurso usado para demonstrar que houve obscuridade na decisão do juiz, mas não logrou êxito.

Após mais essa derrota, a defesa do prefeito e dos vereadores acusados entrou com um novo recurso, agora um recurso de apelação que subiu para o Tribunal de Justiça do Maranhão e na Segunda Turma do TJ, após ser adiada por quatro vezes, foi julgado, e com resultado de 2 X 1 manteve a decisão do Juiz de primeiro grau.

Agora, como determina o novo Código do Processo Civil, diante do placar de 2X1, serão convocados mais dois desembargadores que integrarão o colegiado de magistrados, no chamado Julgamento Ampliado, para decisão final.

Agora é aguardar e conferir, mas que a situação segue se complicando para o prefeito de Porto Franco, isso ninguém tem dúvidas.

O CASO_

O prefeito Nelson Horácio arquivou junto com o presidente da camara de vereadores, o processo que o levaria a cassação por conta de denuncia de tentar utilizar de recursos públicos, principalmente do FUNDEB para cooptar vereadorer para sua base de apoio.

A conversa foi gravada pela vereadora Nalva em uma churrascaria na cidade de Imperatriz e viralizou nos princiapais meios de comunicação do estado. A denuncia foi encaminhada para a justiça, mas pelo sentido oposto, o prefeito inicou o processo para cassar os vereadores que o denunciaram e ainda arquivaram a denuncia na camara dos vereadores aliados, em conluio presidencia.

Com a decisão em vigor autorizada pelo juiz da primeira instancia Antonio Baleeiro e reafirmada por minoria no Tribunal de justiça do Maranhão, foi determinado o afastamento do presidente da câmara, dos vereadores enquadrados pela denuncia e o proceguimento da ação. Antes disso também foi barrado pela justiça uma manobra do prefeito junto ao colega “amigão” [presidente da camara] para afastar os parlamentares que denunciaram o esquema. (Relembre toda a tramoia aqui)

Texto original Jorge Aragão/edição Holden Arruda

A CINCO MESES DA ELEIÇÃO, DINO RECUA EM APREENSÃO DE VEÍCULO COM DÉBITOS NO IPVA

A CINCO MESES DA ELEIÇÃO, DINO RECUA EM APREENSÃO DE VEÍCULO COM DÉBITOS NO IPVA.

A cinco meses da eleição, Dino recua em apreensão de veículos com débitos
Recuo acontece após Wellington representar MP e MPF sobre inconstitucionalidade, e pesquisas apontarem que indústria da multa e arrecadação descontrolada prejudicam reeleição do comunista.

Restando cinco meses para a realização do pleito de 2018, o governador Flávio Dino, do PCdoB, mudou e decidiu diminuir o ímpeto de sua gestão na arrecadação descontrolada por meio da apreensão de veículos com débito de taxas de licenciamento no Maranhão.

De acordo com anúncio feito pelo líder do Palácio dos Leões na Assembleia Legislativa, deputado Rogério Cafeteira (DEM), nesta terça-feira 8, o comunista pretende disciplinar, por meio de decreto, a atuação do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) — antes batizada por Dino como Companhia de Polícia Rodoviária Militar Independente (CPRV-Ind), gerando gastos que podem ter lesado o erário com plotagem de carros e motos oficiais, fardamentos, fachada e sinalização da sede da unidade.

“As fiscalizações vão existir, só que houve um ponto de modificação importante: o governo vai priorizar a educação no trânsito”, justificou Cafeteira.

Atualmente, nos casos de veículos flagrados pela BPRv sem pagamento de taxas como o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), o recolhimento é imediato para o pátio da VIP Leilões, sendo os veículos colocados logo depois a leilão.

A partir do decreto, na primeira ocasião em que o motorista for abordado e tiver débitos de licenciamento, ele será apenas advertido e receberá prazo para regularizar a situação. A apreensão passará a ocorrer somente se, passado o prazo estabelecido na advertência, o pagamento não houver sido efetuado.

Representações no MP, MPF e pesquisas
O recuo do comunista ocorre em meio à intensa movimentação do deputado Wellington do Curso (PSDB), que formalizou representações junto ao Ministério Público Estadual e Federal para que os órgãos acionassem o governo na Justiça, requerendo a suspensão das famigeradas blitze do IPVA.

A iniciativa foi tomada após o tucano aguardar, por já quase um ano, pelo parecer da Comissão de Constitucional, Justiça e Cidadania (CCJ) da Assembleia Legislativa, formada em sua maioria esmagadora por aliados de Dino, a respeito de um projeto de lei em que ele, alegando inconstitucionalidade no avanço do Estado sobre os bens do contribuinte, busca a suspensão das apreensão e remoção de veículos por atraso no pagamento do imposto.

Além disso, no bastidor, crescia a informação de que diversas pesquisas encomendas pelo entorno do Palácio dos Leões apontaram que a industria da multa, a arredação descontrolada e o recolhimento e leilão dos veículos, como ainda vem acontecendo, prejudicam a reeleição de Dino.

Até o meados de março passado, por exemplo, mais de R$ 184 milhões já havia sido arrecadados pelo governo Flávio Dino por meio do IPVA, apenas neste ano. Quase 14 mil veículos já foram leiloados, desde o contrato celebrado entre o Departamento de Estado de Trânsito (Detran) do Maranhão e a Vip Leilões.

A cinco meses da eleição, Dino recua em apreensão de veículos com débitos
POLÍTICA
A cinco meses da eleição, Dino recua em apreensão de veículos com débitos
Recuo acontece após Wellington representar MP e MPF sobre inconstitucionalidade, e pesquisas apontarem que indústria da multa e arrecadação descontrolada prejudicam reeleição do comunista.

Restando cinco meses para a realização do pleito de 2018, o governador Flávio Dino, do PCdoB, mudou e decidiu diminuir o ímpeto de sua gestão na arrecadação descontrolada por meio da apreensão de veículos com débito de taxas de licenciamento no Maranhão.

De acordo com anúncio feito pelo líder do Palácio dos Leões na Assembleia Legislativa, deputado Rogério Cafeteira (DEM), nesta terça-feira 8, o comunista pretende disciplinar, por meio de decreto, a atuação do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) — antes batizada por Dino como Companhia de Polícia Rodoviária Militar Independente (CPRV-Ind), gerando gastos que podem ter lesado o erário com plotagem de carros e motos oficiais, fardamentos, fachada e sinalização da sede da unidade.

“As fiscalizações vão existir, só que houve um ponto de modificação importante: o governo vai priorizar a educação no trânsito”, justificou Cafeteira.

Atualmente, nos casos de veículos flagrados pela BPRv sem pagamento de taxas como o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), o recolhimento é imediato para o pátio da VIP Leilões, sendo os veículos colocados logo depois a leilão.

A partir do decreto, na primeira ocasião em que o motorista for abordado e tiver débitos de licenciamento, ele será apenas advertido e receberá prazo para regularizar a situação. A apreensão passará a ocorrer somente se, passado o prazo estabelecido na advertência, o pagamento não houver sido efetuado.

Representações no MP, MPF e pesquisas
O recuo do comunista ocorre em meio à intensa movimentação do deputado Wellington do Curso (PSDB), que formalizou representações junto ao Ministério Público Estadual e Federal para que os órgãos acionassem o governo na Justiça, requerendo a suspensão das famigeradas blitze do IPVA.

A iniciativa foi tomada após o tucano aguardar, por já quase um ano, pelo parecer da Comissão de Constitucional, Justiça e Cidadania (CCJ) da Assembleia Legislativa, formada em sua maioria esmagadora por aliados de Dino, a respeito de um projeto de lei em que ele, alegando inconstitucionalidade no avanço do Estado sobre os bens do contribuinte, busca a suspensão das apreensão e remoção de veículos por atraso no pagamento do imposto.

Além disso, no bastidor, crescia a informação de que diversas pesquisas encomendas pelo entorno do Palácio dos Leões apontaram que a industria da multa, a arredação descontrolada e o recolhimento e leilão dos veículos, como ainda vem acontecendo, prejudicam a reeleição de Dino.

Até o meados de março passado, por exemplo, mais de R$ 184 milhões já havia sido arrecadados pelo governo Flávio Dino por meio do IPVA, apenas neste ano. Quase 14 mil veículos já foram leiloados, desde o contrato celebrado entre o Departamento de Estado de Trânsito (Detran) do Maranhão e a vip leilões.

Por : Atual7

Polícia Civil recupera duas motos roubadas em Floriano Entre as Mesmas Uma e de Pastos Bons

Polícia Civil recupera duas motos roubadas em Floriano

Entre as motos tem uma que pastos bons

Através de denúncias de populares, Francisco e Daniel conseguiram recuperar uma motocicleta que estava em poder de um menor na localidade Taboleiro do Mato e em seguida o menor apreendido disse onde estava uma outra moto que teria sido roubada em nossa cidade. Os veículos foram recuperados um no dia de ontem e o outro foi recuperado hoje.

Policial Francisco e a moto recuperada ontem. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

Considerando que as motos foram encontradas em poder de um menor não mencionaremos nenhuma informação sobre o suspeito e não foram passadas informações sobre os proprietários dos veículos.

Policial Daniel e a moto recuperada hoje. (Imagem:Temístocles Filho/jc24horas)

Da redação

informações do portal JC 24 horas.

Menor com passagens pela policia é morto a tiros em Balsas

O crime ocorreu no inicio da noite dessa segunda-feira, 07 de maio no bairro Joaquim Coelho – Balsas (MA)

A vitima identificada por Lucas Gabriel, vulgo pipoca, era menor de 15 anos e já somava várias passagens por diversos atos infracionais análogos a crimes de roubo de celulares, roubo de motos e outros.

Segundo informações publicadas pelo repórter cinematografico/cinegrafista Janeto Oliveira: a mãe de Gabriel mora no Bairro, Rosa Santo, ela foi surpreendida por um rapaz armado com um revólver na mão dentro de sua casa, perguntado pelo seu filho, ela respondeu que não sabia, que Gabriel tinha saído.

Populares informaram que o autor do crime, um homem alto e magro estava em companhia de uma mulher que pilotava uma motocicleta honda Biz Branca; quando encontraram a vitima o homem na efetuou 4 disparos na vitima, que foi atingido por dois tiros no braço direito 1 ao lado do peito direito e outro na cabeça, tendo morte instantânea.

Pipoca era temido na área por ser considerado violento e de alta periculosidade. As Polícias Civil e Militar estiveram no local, investigando o crime e ninguém até agora foi preso.

Leia outras noticias de Balsas e região
Projeto Social Vida Nova é contemplado com quadra esportiva

A dor com a morte de pessoas queridas e a esperança em Jesus

(Vitima no local em que foi assassinado)

FONTE: DIÁRIO DE BALSAS
Menor de 15 anos morto em Balsas

SÃO JOÃO DOS PATOS:BRINCADEIRA E BEBIDA QUASE ACABOU EM TRAGÉDIA

De acordo com o relato de populares,na localidade canto grande em São João dos Patos, nesta segunda-feira 07/04, um jovem por nome de Leandro estava bebendo desde início do dia com outro colega por nome de Daniel,já no final dia começaram uma brincadeira de luta corporal,Daniel então derrubou Leandro,e depois que Leandro caiu, o jovem Daniel disse algumas palavras a Leandro e também  que poderia humilhar ele, depois Daniel estava descontrolado segundo relato ,e mexeu com a mulher de Leandro o qual ele havia derrubado,daí então Leandro depois foi em sua casa e pegou uma arma e disparou contra daniel,que foi encaminhado para o hospital regional de presidente dutra,até o estado de saúde e estável de daniel.

Ouça os relatos: